Textículo (*) s. m., texto ridículo; texto pequeno. (* não existe no dicionário)
7.9.09

O magnetismo atrai os corpos que dançam o bailado dos ânimos de polos opostos.

 

 

Da personagem Borat já tinhamos ficado com a ideia que a rapaziada do Kazaquistão era torcida mas da Tira de Mobius fazer uma biblioteca é outro nível.

 

 

É a beleza do resultado de formulas aborrecidas.

 

 

link do post texticulos, às 13:08  (1) | comentar

7.7.09

Uma das mais fundamentais e ignoradas forças da natureza é a fricção, o comum mortal conhece-a bem ao esfolar um joelho ou quando muda o óleo do carro, já a rapaziada da física fundamental não lhe deu a devida importância na construção do LHC(Large Hadron Collider) e quase o transformou num monte de sucata no valor de milhões de euros, esta maquineta acelera particulas subatómicas à velocidade da luz menos 10km/h a temperaturas próximas do zero absoluto, a quase 273 graus negativos nem dente se consegue bater. Andaram mais preocupados com a possibilidade de criar um buraco negro que engolisse o planeta.

 

Esperam conhecer a mecânica da estranha força negra que mantêm tudo afastado e frio não perdendo de vista a tal singularidade cuja gravidade faria colapsar o planeta Terra e as redondezas num volume zero. Os físicos quânticos, mais cínicos, acham que tais vazios já ocorreram antes, nas cabeças de certos políticos sem causar catástrofes de tais dimensões.
 

Pelo meio uns "artolas" acham que o tecido de cuja realidade é feita é um entrelaçado de  invísiveis cordas vibratórias embrulhadas num espaço a 10 dimensões dentro das tais partículas subatómicas. Claro!? Eu também posso dizer que Neutrinos estão apinhados de gambuzinos que emitem um fotão de cada que roçam uns nos outros. Esta é apenas uma teoria minha mas provem lá que estou errado. E no entanto sem a fricção não seria possível manter-me sentado nesta cadeira a escrever estas baboseiras.

 

 

link do post texticulos, às 16:12  (2) | comentar

1.7.09

A física como uma brincadeira de crianças no zoológico de partículas.

 

 

Quem sabe os miúdos não irão gostar mais do Quark que do Noddy!

 

Se calhar é pedir demais!?

 

 

link do post texticulos, às 09:16  | comentar