Textículo (*) s. m., texto ridículo; texto pequeno. (* não existe no dicionário)
12.11.09


Na manhã a seguir à morte de Jack Benny em 1974, a sua viúva recebeu uma rosa vermelha e outra na manhã seguinte e mais outra na seguinte.

 

Ao fim de umas semanas, inquietou-se e ligou à florista donde vinham as rosas que lhe respondeu que Benny anos antes tinha ido à florista comprar um ramo de flores e no final disse-lhe "Se alguma coisa me acontecer, quero enviar, todos os dias, uma rosa à minha mulher".

 

E assim foi, até 30 de Junho de 1983, quando Mary morreu.
 

 

link do post texticulos, às 14:00  | comentar

De Blogadinha a 12 de Novembro de 2009 às 17:27
Isso é tão mimoso quanto penoso.

De texticulos a 12 de Novembro de 2009 às 18:04
Sempre podia pedir ou livro de reclamações, chamar a ASAE, se for uma Mariana. :)

De Blogadinha a 12 de Novembro de 2009 às 19:20
Ou o endereço do remetente, para enviar-lhe uma foto do seu andar novo...

De Sayuri a 12 de Novembro de 2009 às 23:05
Considero um acto bonito, que pode tambem ser interpretado como um acto egoista por parte do falecido :)