Textículo (*) s. m., texto ridículo; texto pequeno. (* não existe no dicionário)
Aventureiro introvertido; Sensível idiosincratico; Conversador tranquilo; Solitário na multidão; Dedicado desregrado;
texticulos@sapo.pt
11.2.10

You can't handle the truth!

 

 

Este video é apenas uma metáfora. Aliás várias.

 

Um dia hei-de cá voltar!

 

 

link do post texticulos, às 16:00  | comentar

27.1.10

«A sect that split from the Mormons allows multiple wives, expels "lost boys," and heeds a jailed prophet.», National Geographic, Fevereiro 2010.

 

 

Há quem lhe chame seita, mas isso é outra discussão. Não estou certo, mas se não for o único, é dos poucos cultos que se baseiam em mais que um livro, a Bíblia e o Livro de Mormon, e dentro dela existem várias correntes e coexistem várias ideias, algumas bastante "radicais". Algumas ideas são: "O verdadeiro evangelho foi perdido na terra e foi restaurado no Livro de Mórmon; Deus foi um homem num outro planeta. As boas obras são necessárias para a salvação. Um bom mórmon, tem potencial para se tornar um outro deus, portanto existem muitos deuses; Deus, o Pai, tem um pai. Existe uma deusa mãe. Deus é casado com a sua esposa-deusa e tem filhos espirituais. O primeiro espírito que nasceu no céu foi Jesus; Nós fomos gerados primeiro como bebês espirituais no céu e então nascemos naturalmente na terra, na barriga das nossas mães."

 

São gente boa com quem já partilhei casa, trabalhei e me diverti.

 

 

link do post texticulos, às 14:00  | comentar

8.1.10

Jacob Zuma, presidente da África do Sul, casou com Thobeka Madiba.

 

 

Tem 11 filhos e este é o seu quinto casamento e a sua terceira esposa. Parar porquê?

 

Ainda sobre esta temática, já escrevi aqui. E se a rapaziada "galhofeira" quer despedidas de solteiro e luas-de-mel, façam-lhes a vontade, assim como assim já só passam na televisão casamentos de queens e princesses, não muda grande coisa. E porque não uns pares alternativos de Santo António... Isso é que era inovação!?!? :-)

 

 

link do post texticulos, às 12:00  | comentar

10.11.09



Nikah Mut‘ah significa em árabe casamento por prazer, que é um casamento com prazo fixo, que termina numa data acordada ou quando o esposo quiser. Este género de casamento é aceite por xiitas mas proibido por sunitas. O xeique Al-Matlak, membro do conselho de professores anciãos da Árabia Saudita, país Wahabita, ramo conservador sunita, defendeu que os estudantes que vão estudar no estrangeiro devem evitar o Zina (sexo fora do casamento) e praticar o Nikah Mut'ah com mulheres que por lá conheçam, que as devem usar a seu belo prazer, até voltarem.

 

É um tipo de casamento muito em voga hoje em dia em certos paraísos teológicos, como o Dubai, o casamento dura um fim-de-semana de libertinagem.

Tudo é permitido, mas com regra. Estes tipos são muito à frente.

 

 

link do post texticulos, às 12:00  | comentar

11.9.09

Quer-se dizer, os pais gastam para cima dum dinheirão no casamento e a gaiata faz isto.

 

Na minha teoria ela fumou qualquer coisa antes da cerimónia.

 

O que despoleta esta situação aparentemente foi  o enrolar de língua do noivo, que me leva à história dum outro noivo com uma dobradela de língua parecida acabou por nunca prometer fidelidade à futura esposa mas sim felicidade para si próprio.

 

 

link do post texticulos, às 12:31  (2) | comentar


eXTReMe Tracker
 
federação